.

“Poesia não é para compreender mas para incorporar
Entender é parede: procure ser árvore.Manoel de Barros.







.

sexta-feira, 8 de abril de 2011

Já tive o sonho.

"Nos teus olhos também posso ver
As vitrines te vendo passar"
Chico Buarque.


Já tive o sonho de deitar ao seu lado,
Escutando um Chico em meu ouvido sussurrado.
Tua voz de ressaca em versos afrancessados.
O roçar no peito deste teu rosto barbado.

Já tive o sonho de ser tua ao todo e em pedaços.
Que deleitasse de mim como deleitas teus maços.
E de tragos e tragos seria vício, sem ser escasso.
Seria carne com ou sem juízo, enlaço.

De laços e laços o nó seria feito. Sufocado.
Tantas meninas sem defeitos. Tantos rostos emoldurados.
Te ver na vitrine, te perder ao atacado.
E seria o fim do sonho, em pesadelo transformado.
Ajude o GreenPeace assinando as petições. Juntos podemos fazer muito!GreenPeace Twitter!

25 novidades:

Lorena Rocco disse...

Sonhar é tão gostoso... *-*

e suas palavras são lindas.

Luna Sanchez disse...

"...ser tua ao todo e em pedaços"

É exatamente nessa fase em que me encontro...ai, ai.

Um beijo.

Sr. Reticente disse...

Que poema mais lindo! Adorei!

:o)

Feliz fim de semana!
Beijos!

Long Haired Lady disse...

lindo!
eu bem poderia ter escrito isso um dia! rs

Mariana disse...

O sonho é um dos motivos q nos fazer lutar para vencer,realizar nossos desejos.
Sonhar é bom.
Tenhas uma bela semana.

dear sarah disse...

Sonhos, delicia ein...
adorei, ainda mais ouvindo Chico.

Que tal colocar em prática algum desses sonhos.

bj bj

Marcelo Zaniolo disse...

Heeey!
Que feliz que fiquei com tua visita =)
Obrigado viu? E que bom que gostou!

Quando ao seu poema, é tão gostoso de ler!
Tudo aquilo que sempre te disse (que tuas rimas são bonitas, que teu texto é bem escrito e etc.) continua valendo, e fico feliz com isso! Hehe

E gostei bastante também do novo layout do blog. Fazia algum tempo que eu não vinha aqui, mas ficou muito bom! Parabéns!

Tentarei ter mais tempo e voltar aqui com maior frequência...

Beijo e boa semana!

Márcinha Mendonça disse...

Oi flor passando pra deseja uma semana iluminada e abençoada que ela seja doce doce doce sempre beijos e otima noite

by Rapha C.M. disse...

Lindo! Passando para conhecer o blog e adorei...Fã de Chico só pode ser boa!
Um Abç!

Yohana SanFer disse...

Sonhos criados pelo coração...belo post!

Gabriela Furtado disse...

ê sonho bom!!!
Beeeijoos

Eraldo Paulino disse...

A capacidade de continuar imaginando é que faz da vida humana ter essa graça toda que brota de nossa própria inventividade. Ainda que alguns sonhos gerem pesadelos, o que importa mesmo é fazer o positivo ser mais recorrente que o negativo, penso eu.

Lindo poema.

bjs!

Renata Fagundes disse...

Encantamento é o que senti passando por aqui...me vi sambando com os pés da menina.

beijos cintilantes

Luiza disse...

Ah guria, te reecontrei! Eu adoro as suas poesias, elas são ótimas, bem rimadas, coerentes e inteligentes. Um beijo

Márcinha Mendonça disse...

Passando pra Desejar uma Feliz Páscoa cheia de luz, paz, e muito amor para ti e toda sua familia, que a presença de Deus seja constante em sua vida sempre, lhe proporcionando alegrias e vitorias, abraços e beijos meus :)

Natália Corrêa disse...

"Passas em exposição
Passas sem ver teu vigia
Catando a poesia
Que entornas no chão"

Ah! Chico... me inspira também! haha

Poema lindo e doce, o seu. Triste por ter fim. Mas pra todo sonho bom, acordar já é um pesadelo.

Deysilanne Sousa disse...

Que lindo isso! Me traz Chico, Caio Fernando Abreu e muitos outros. Que o pesadelo que chega não tire a possibilidade dos outros sonhos. Beijos ;*

Raíssa Santos disse...

Sonhar é muito bom ainda que algumas vezes sonhamos com o impossível.
Beijos

Shuzy disse...

Já disse alguém: são os sonhos, combustível da alma...!

Dandara S. disse...

Vim retribuir a visita e fiquei encantada!
Amei o blog e esse poema. Você está de parabéns!
Beijos!
Ah, gostei tanto que vou seguir :)

Florisbella disse...

Já vivi este mesmo sonho e o pesadelo.

Beijos

Gabriela Furtado disse...

palavras lindas e doces, como sempre...
beeeijooos

Erica Ferro disse...

Que poema lindo, cara!
NOSSINHORA! Muito lindo mesmo. Como disseram acima: que pena que teve fim.
Um poema gostoso assim a gente ler até... até... nem sei até quando. Só sei que por muito tempo, até a gente mergulhar na própria poesia e virar poema.

Sr. Reticente disse...

Passando para desejar uma feliz semana!!!!

:o)

Ana Laura disse...

Lindíssimo!
Adorei o seu blog. Parabéns!